Todas as fotos publicadas são de minha autoria, tiradas com telemóvel.

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Fico de rastos


Todo o tipo de violência mexe comigo, seja dirigida a pessoas, ou animais!
Mas quando a violência é praticada contra crianças e adolescentes, fico de rastos. É assim que me sinto neste momento.


 Ter um filho é algo muito sério, que requer muita
responsabilidade, quilíbrio e principalmente muito amor.
Quantas pessoas desejam ser pais? 

 Pais e mães!
No entanto existem alguns que o são, apenas de nome, mas na realidade só servem para maltratar os seus filhos.

Pais que vivem com dificuldade de reconhecer que seus filhos não são os causadores das atribulações que surgem nas suas vidas.
Pais que não aceitam o seu próprio sofrimento, com raízes causadas por vezes por eles próprios, convencem-se que os seus filhos são a causa de toda a infelicidade.
 Então descarregam toda a raiva nos seus filhos, vêm-nos como um estorvo nas suas vidas, maltratando-os verbalmente, fisicamente  e psicologicamente. Abandonando-as durante uma vida inteira.
Estas crianças sofredoras crescem inocentemente envolvidas num ambiente de total desequilíbrio.
Quando é que estes pais que nem sequer são dignos deste nome, percebem que o amor de pai é o mais poderoso.


 E que sexo não é engravidar.

 

Uma rosa do nosso jardim para estas crianças.

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

A minha prainha

Foto minha



Esta
é a minha prainha
Este
o meu mar
hoje estavamos sós
Aqui curto a solidão
Aqui escrevo
Aqui deixo
pedacinhos da minha alma
Falar do mar
é como mergulhar em suas águas
onde se perdem tantos sonhos
São tantas as perguntas
que coloco em suas ondas
que timidamente
se afastam sem me darem resposta.

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Juntos


Foto minha



Juntos
Tu
Eu
 e o nosso amor
vamos continuar nossa caminhada
vivendo
os nossos momentos que temos para viver
sorrir o que temos para sorrir
chorar o que temos para chorar.

Juntos
 contemplamos o mar
o pôr-do-sol
a lua
contamos as estrelas
degustamos a mesma música.
Juntos
sempre
porque os dias correm
e os momentos ficam para trás.

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Barco


Foto minha


Contemplo o mar
mas não vejo o meu barco
Olho em meu redor
e tristemente vejo-o encalhado
esperando que um dia volte a navegar.

terça-feira, 14 de agosto de 2012

Para todos vós


Foto minha

Foto minha

Com votos de um bom Feriado

Nota: Não dá para ver muito bem, mas a primeira é uma Libelinha, a segunda uma abelha

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Foi aqui

Foto minha


Um reencontro
emocionante
onde trocamos os nossos olhares
As nossas palavras
que não deixamos mais de o fazer
Naquele momento
senti que nos procurávamos.

Hoje
é mais do que um olhar
Existe
em mim os meus olhos
necessitando da luz do teu olhar.
Amo
a tua presença em todos os momentos.
Adoro
sentir-me amada

Adoro amar-te.

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Perdida


Foto minha






Perdida
no meu próprio eu
momento de palavras dolorosas
ditas pelo silêncio
em que tudo parece ausente.
Olho o céu
vejo a sua beleza
o resplendor da natureza
tenho a nítida sensação
que estou no mundo sem rumo.

Sem que nada consiga fazer
observo o palco da tristeza sofrendo
e assistindo ao sofrimento
daqueles que tanto amo.

quarta-feira, 1 de agosto de 2012