Todas as fotos publicadas são de minha autoria, tiradas com telemóvel.

terça-feira, 31 de dezembro de 2013

Lindo

Este foi o último nascer do sol de 2013.
 
 
Foto minha  

Ontem 30-12-2013  às  07,05h

Era lindo, mas entretanto começou a chover.
 
 
Desejo de coração que 2014 possa dar saúde, paz e amor a todos vós e aqueles que vos são queridos.
Bem-haja.
 
 

quarta-feira, 25 de dezembro de 2013

Falta de ânimo


Tenho vindo muito pouco à net, mas o suficiente para  ver que quase todos os meus amigos/as  deixam mensagens de boas festas, eu não o fiz, além de dezembro  para mim ser um mês dorido e principalmente falta de ânimo por vários motivos, também porque tenho a minha mãe outra vez no hospital, sinceramente não sei se a lutar, ou a desligar-se da vida.
No entanto não vou deixar de vos dizer, que desejo de coração para todos vós não só nesta quadra, mas que sejam felizes todos os dias das vossas vidas junto daqueles que vos são queridos.

Foto minha
 
 tirada em Leiria num daqueles momentos  que o mundo parece desabar
quando vinha do hospital depois de estar ao lado da minha mãe e  ouvir as palavras do medico, que me deixou completamente arrasada.

quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

Hoje é dia do meu aniversário

 
Foto minha
uma das resistentes do meu jardim
 
 
 
Não tenho o poder
para viver um outro dia
a não ser hoje
não isento de angustias.
 
O ontem é passado
 de perdas
tristezas, sofrimento
que roubou
pedacinhos de mim.
 
Aquele passado
que não posso alterar
  posso sim
aprendera viver com ele.
 
Aquele passado
que me deu experiencias
que estou a usar como sabedoria
para viver o hoje que é real
porque o amanhã não existe.

 

 
 

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Determinados momentos



Foto minha

 

São algumas as vezes
que prometo
a mim própria não chorar
mas tenho momentos
em que não resisto
e transbordo
os meus sentimentos
em forma de lágrimas.
 
 A noite passada
ao ver a minha mãe
conclui que preciso de chorar
em determinados momentos
para libertar
sentimentos diversos acumulados.

 
Foi o que aconteceu a noite passada quando saí do hospital, as lágrimas impediam-me de conduzir, fui forçada a parar o carro, saí, chorei, gritei, olhei à minha volta, estava só, no centro de Leiria, vejo o castelo iluminado, peguei o telemóvel e fotografei.

quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

Afaga-me a alma


Foto minha



No meu silêncio 
contemplo o mar
gosto de o ouvir
valorizo a imensidão
disponível
aos meus desabafos.

A sua melodia
faz-me pensar com carinho
afaga-me a alma.
 
Momentos
em que sinto
que ainda respiro
quando a saudade
é um manto depressivo.