Todas as fotos publicadas são de minha autoria, tiradas com telemóvel.

quinta-feira, 9 de junho de 2011

Em 28 de Abril


Foi neste dia que  vos apresentei os meus gatos que tanto adoro.








Hoje o meu Riscadinho  partiu, morreu envenenado. Ontem de manhã estava bem comeu brincou com um outro e foi dar a sua habitual voltinha como todos os dias  fazia, mas não voltou nem para comer nem dormir, o que era estranho tive um mau pressentimento, mas, existe sempre um mas...hoje logo pela manhã cá estava ele,  agarreio-o ao colo, vi que não estava bem, o dono já estava a arrancar de carro ainda falou com ele mas (o stress pela manhã) acabou por não lhe dar a atenção habitual, ele aconchegou-se no meu colo, olhou-me deu um grito e morreu, fez questão de se despedir de nós. Pelo menos o stress evitou que o dono assistisse  a este acontecimento e aquela  imagem, que não consigo apagar. 

20 comentários:

Lacorrilha disse...

Lamento muito.
Um abraço apertado.

Rogério Pereira disse...

Nâo gosto particularmente de gatos. Mas admiro e respeito o afecto pelos animais. Lamento a perda

(já tive em casa um gato,
chamado Gato.
Não sei quem era mais chato:
se eu
se esse gato
que tinha por nome: Gato)

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Adoro gatos e este episódio recordou-me um triste que me aconteceu há uns tempos no Porto, quando um dos que anda lá por casa, foi atropelado e morreu.Presenciei a cena inteira e ao ler o seu post senti um enorme arrepio.
Que o Ricardinho seja feliz no céu dos gatos ( que, muito provavelmente, também será o nosso)

Bella disse...

Lamento imenso minha amiga. É sempre tão triste e doloroso perder um animal de estimação, pricipalmente de uma maneira assim tão brusca e inesperada. Espero que estejas bem.
Beijinho grande e muita força.

✿ chica disse...

Que triste,né? Pena! beijos,chica

J.Ferreira disse...

Oh! minha querida amiga, não sabes quanto lamento!

Sei de cor o teu sofrimento, embora nunca me tenha morrido nenhum envenenado, mas já foram tantos que sempre juro que é o último, mas já cá tenho novamente três.

Nenhum deles é substituível, nem sequer dou o mesmo nome ...

Estou tão triste, mas promete-me que te vais animar. Vá lá!
É como dizes, ele veio, a todo o custo, despedir-se de vós.
Fica no coração para sempre.

Beijinhos

Fernanda disse...

Querida!
Outra vez, estava com a senha do meu marido.
É o que dá a partilha!

Agora sim, assino eu


Mais um beijinho

Lilá(s) disse...

Sei muito bem o que é esse sofrimento,por isso neste momento só um apertado abraço pode ajudar...e é isso que eu deixo...um grande abraço

Catarina disse...

Tenho observado o grande afeto que as pessoas tem pelos animais de estimação e o que sentem quando eles morrem. Leva o seu tempo até que esse sentimento de perda se torne menos doloroso. Abraço.

Antônio Lídio Gomes disse...

Meus sentimentos pesarosos pelo bichano.
Quero crer que sua alma esteja bem acolhida.
Um fraterno abraço.

Pedro Coimbra disse...

Envenenaram-no?
Sabe que há pessoas que têm pedras no lugar do coração, Adélia.
São assasinos e não podem ser felizes.
Evitavam era de fazer os outros infelizes também.
Um abraço

Vivian disse...

Bom dia,Adélia!!

Sinto muito minha amiga...
E ainda foi nos seus braços...não deve ser nada fácil...
Beijinhos pra ti, cuide-se.

Nilson Barcelli disse...

Há pessoas muito más...
Lamento o ocorrido com o teu gato.
Minha amiga, tem um bom fim de semana.
Beijo.

Sandra disse...

Que tristeza!
Ainda me espanta a crueldade de algumas pessoas.
Foi por uma situação idêntica, era eu ainda criança, que nunca mais consegui ter animais de estimação.
Sei o que sentes.
Beijinho

alma de pássaro disse...

Sei como tinhas afeição pela Riscadinho mamã e lamento muito a tua perda...
Um grande beijinho
Love you tanto pa xempe

Maria disse...

Lamento muito amiga a perde do seu gatinho. É sempre dificil quando os nossos bichinhos morrem.
Beijinhos
Maria

AC disse...

Dói, eu sei que dói...
Um lamento sentido, Flor!

Beijo :)

selma disse...

Oi querida amiga,também passei quase parecido com meu outro Tigre um SRD muito querido foi atropelado a noite e tendeu viver até outro dia qdo levei ao veterinário já era tarde,também olhou para mim e deu seu ultimo suspiro....fiquei muito triste quase fiquei doente,o veterinário me falou que ddo tivesse outro esqueceria tenho outro mamo muito mas não esqueci dele,não....amiga trouxe um mimo para você espero que goste,feliz final de semana
http://i701.photobucket.com/albums/ww15/M-amles/anigifselma-4.gif

Vivian disse...

Bom dia,Adélia!!

Vim deixar meu beijo e meu carinho minha amiga!!!
Que seu dia seja bem agradável!
Muitos beijo pra ti!

carol disse...

Oh meu Deus! O que eu tinha de chorar! Coitadinho. Mas morreu nos braços da dona. E, portanto, feliz. Quem há que faça tanto mal aos bichinhos?

Não se admite!