Todas as fotos publicadas são de minha autoria, tiradas com telemóvel.

domingo, 10 de julho de 2011

Ser poeta

17 comentários:

Ferreira, M.S. disse...

Cara Flor de Jasmim,
Esta é daquelas músicas que não se perdem no tempo! Obrigado pelo momento musical!

Evanir disse...

Hoje eu sei quem luta pode vencer,
Ousar é a melhor maneira de vencer
SE VOU VENCER SO DEUS SABE MAS DESISTIR NUNCA.
Enquanto houver vontade de lutar haverá esperança
a mim interessa sómente o
futuro onde vou morar.
Sei que parada não posso ficar
nem ter medo do futuro chegar.
Não posso passar todo tempo murmurando
e desanimando meus amigos e amigas.
E sim passando coragem e dizendo
lute pela vida..Vale a Pena Viver..
Um lindo final de Domingo
beijos no coração ,,Evanir.
Morre a tristeza nasce a esperança.

Gisa disse...

Linda, fez-me voar...
Um grande bj querida amiga

Manuela disse...

Querida Flor, sempre adorei esta poema da Florbela Espanca, e gosto muito desta versão musicada :)

Luís Coelho disse...

O poema é muito bonito e a voz de Luís represas carregou-o de ternura.
O tempo que se gasta a ouvi-lo é muito recompensado.

Rogério Pereira disse...

Flor de jasmim
Florbela

Lacorrilha disse...

Adoro.
Qualquer dia dedico-a ao meu poeta.

Pedro Coimbra disse...

Poema e música muito bonitos, Adélia.
Já somos amigos no FB.

Rosa dos Ventos disse...

Já hoje encontrei outro soneto da Florbela por aqui, na blogosfera!
Gosto muito deste cantado!

Abraço

Everson Russo disse...

Ser poeta é saber expressar em palavras o que a alma e o coração sentem,,,grande beijo de bom dia pra ti amiga.

ONG ALERTA disse...

Poeta é saber fazer magia com palavras, beijo Lisette.

Vivian disse...

Olá,Adélia!!

Lindo vídeo minha amiga!Belos versos e belas sequencia de imagens!!
Beijos pra ti!!
Linda segunda!

✿ chica disse...

Lindo demais,Adélia! Quero te agradecer o carinho sempre por lá e teu jeitinho especial ao comentar.

beijos,linda semana( a minha será curta, entro em férias e ficará aberto apenas o blog dos CÉUS e o CANTEIROS DA VIDA...) o resto não dá, senão não descanso,srrs beijos,chica

Antônio Lídio Gomes disse...

Adélia Flor de Jasmim.
Quero agradecer tuas visitas e teus gentis comentários.
Sinto-me honrado e feliz por te-la como uma amiga de longe, porém tão proxima.
Ser poeta Flor de Jasmim, não precisa demonstrar sensibilidade somente através das letras, acredito eu.
Sinto a poesia fluir em teu sagrado recanto, em tuas flores, em teu jardim, nos videos musicais que você tão bem seleciona.
Tudo aqui são emanações de tua alma. E somente da alma flui amor, apreço, e alegria.
Deixo portanto, um fraterno e afetuoso abraço deste que te admira.

Fernanda disse...

A penúltima vez que ouvi este tema foi ao vivo, aqui mesmo em Cerveira.
Nunca perderia um espectáculo do Luís Represas.

Ser poeta é ser mais alto...
e como ele canta e encanta.

Beijinho

claudiaymarques disse...

Florzinha linda musica..lindo poema..me fez voar aqui...inesquecível..
muitos beijos de boa semana
Titi

Carlota Pires Dacosta disse...

"E é amar-te assim perdidamente..."

Amar só tem valor quando é assim, perdidamente. Só assim ele nos faz sonhar, viver...

Um beijo!