Todas as fotos publicadas são de minha autoria, tiradas com telemóvel.

terça-feira, 1 de outubro de 2013

Rotina sem sentido

Foto minha




Sinto-me
demasiada  cansada
de olhar o mundo
com olhos de esperança
é uma rotina sem sentido.

As dúvidas perturbam
a dor constante
torna-se insuportável
perco-me na razão
das mágoas.

Esperando
que surja o vento do destino
limito-me a navegar sem rumo
 Comigo as lágrimas
que não são por falta de amor
são pela dolorosa saudade
em mim tão bem guardada.



20 comentários:

Lilá(s) disse...

Querida amiga, nem sei que dizer, limito-me a deixar um abraço bem apertado...
BJs

Gisa disse...

Um grande beijo para ti, só para ti.

São disse...

Adelinha, abraço muito estreito e longo, com beijinhos também

✿ chica disse...

Que fiques bem!!beijos,tuuuuuuuuuuuudo de bom,chica

Rosa dos Ventos disse...

Ânimo Flor!

Abraço solidário

Ricardo- águialivre disse...

Calma e confiança que o amanhã será melhor que o hoje

Deixo um abraço
******************
http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

Lídia Borges disse...


A poesia acolhe!... Abrir as janelas e respirar a luz da manhã, como uma dádiva, também...

Um beijo

Fê blue bird disse...


Comigo
as minhas lágrimas
que não são por falta de amor
são pela dolorosa saudade
em mim tão bem guardada.


Amiga, tivesse eu a tua arte e estas palavras seriam minhas.

Acredito e isso me dá força. que tudo passa, tem que passar!

Força amiga, tens que vencer!

beijinho

lino disse...

Beijinho!

quem és, que fazes aqui? disse...


Tenho andado arredada deste teu espaço. Tenho andado arredada de todos os espaços, Flor...

Acredita e mantém a Força!

Beijinho

Laura

Graça Sampaio disse...

Tantos de nós, portugueses, se sentem assim! Muito triste. Que revolta!

Beijinhos do coração, Flor!

Pedro Coimbra disse...

Ainda e sempre essa dor, Adélia.
Beijinho

Agulheta disse...

Adelia! Como são tristes e pesadas as palavras,nem todos são capaz de desfazer mágoas e alegrias.Deixo um abraço e um sorriso para seguir a estrada.Beijinho

Lídia disse...

MINHA QUERIDA
NÃO QUERO ACRESCENTAR MAIS NADA NA TUA TRISTEZA.
DEIXO AQUI A RESPOSTA Á TUA VISITA.

QUERIDA AMIGA

ENTÃO COMO VÃO ESSAS FORÇAS, NÃO TEM NADA MAIS BONITO DO QUE NOS MERGULHAR-MOS EM COISAS LINDAS, ESTRADAS FORA, ABSORVER O QUE DE MAIS BELO ENCONTRAMOS, E ESQUECER OS PROBLEMAS QUE SÓ NOS AFUNDAM!!!

BEIJINHOS AMIGA E ESPERO VERTE MAIS ALEGRE!!!

LÍDIA

Antônio Lídio Gomes disse...

Jasmim, não sei o que te aflige, porém rogo aos céus que tenhas vitória.
Vez ou outra estamos assim.
É a vida. Mas desejo que a fase na qual te encontras, passe para nunca mais.
Um forte abraço
Beijos.

luís rodrigues coelho Coelho disse...

Gosto da tua poesia.
São momentos em que te soltas, te dizes e te reescreves nas tuas dúvidas e angústias.
Beijitos cá de casa.

Vivian disse...

Olá, querida Adélia!!

Tão belo e tão triste teu poema!
Que tudo possa melhorar.
Beijos e meu carinho pra ti!

Rui Espírito Santo disse...

Olá querida amiga !
Disse-me um passarinho para te vir aqui deixar um sorriso ! :))
Aceita-o e retribui-mo, mesmo que eu não o veja ! :))

.

ONG ALERTA disse...

Muita luz, beijo Lisette.

luar perdido disse...

As tuas lágrimas são a água pura com que regas as flores de que a tua alma é feita!
Não são falta de amor não minha querida flor, são tesouros teus, pérolas do teu coração.
Beijinho doce de luar