Todas as fotos publicadas são de minha autoria, tiradas com telemóvel.

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Dói tanto


Descansa em paz minha mãe ♥ 


Sei que agora vais estar serena para sempre. 




Um dia vamos nos reencontrar.



22 comentários:

✿ chica disse...

Meus sentimentos nessa hora de dor! Te cuida, fica bem e forte! bjs, chica

Susana Miranda disse...


Querida Amiga,

Sem palavras…os meus sentimentos a ti extensivos à tua família. Uma dor imensa que trespassa a alma e o coração. A tua mãe estava a sofrer muito como sabes. Como dizes…um dia estarão juntas novamente. Neste momento ela deseja ver Adélia Feliz e não triste.

O luto surge como um processo normal à perda de um ente querido. Neste momento é uma montanha russa de emoções. Quando tiveres vontade de chorar “ chora” não sufoques a dor. Acredito que o céu esta noite…tem mais uma estrela a brilhar.

Amiga, não te isoles… e tens um ombro amigo deste lado. Muita Força!

Beijinhos com carinho e xi coração apertadinho.
Susana

Janita disse...

Minha querida, antes de mais quero dar-te um abraço de sentidas condolências.
Já havíamos falado sobre o estado de grande sofrimento em que a tua Mãe se encontrava. Sabes que a morte em vida dói mais do que quando sabemos que ao nossos entes queridos descansam em paz.

Deixo um forte abraço solidário e por agora quero respeitar o teu luto.
Um beijinho amiga, e coragem!

Agradeço à amiga Susana ter-me alertado para o facto, já que no meu blog ainda me aparece o teu antigo post.

Um beijinho para ela.

Janita

São disse...

Luz para a tua mãe!

Te abraço com todo o carinho, amiga....

Majo disse...


As palavras escritas manifestam resignação pelo inevitável...

Muita coragem!

Um longo e sentido abraço solidário.

Pedro Coimbra disse...

Os meus pêsames, Adélia.
Ela agora está a repousar.
Beijinhos

AFRODITE disse...


Querida Adélia, neste momento choro contigo e ajudo-te a suportar essa dor imensa com um apertado abraço.

Sabores Autenticos disse...

Não há palavras que amenizem a dor.
Um abraço forte e muita força.
Beijinhos

Anónimo disse...

Como dizem as minhas amigas do Blog "Cozinha dos Vurdons", uma estrela subiu ao céu para iluminar ainda mais, as tuas noites.

Beijinhos

Carlota Pires Dacosta

Ideias com Linhas disse...

:(

Envio-te um beijonho e uma abraço forte neste momento dificil.

Patricia

Observador disse...

Dói. Muito.

Pense que a senhora sua Mãe partiu para um outro patamar onde, por certo, se sentirá bem.

Um beijinho de solidariedade.

ONG ALERTA disse...

Este dia chega e nos mostra que o amor é a melhor conquista nesta vida, sim um dia todos vamos estar juntos.
Paz e um beijo no seu coração, Lisette.

Maria disse...

Meus sentimentos minha querida amiga, quando no outro dia comentei o teu post tão sofrido não sabia o motivo da dor...agora percebo...é uma dor imensa...Que a tua querida mãe descanse em paz...ninguém parte verdadeiramente enquanto vive nos nossos corações... Muita força !
Beijinhos e abraço apertado nesta hora difícil.
Maria

lino disse...

Os meus sentimentos, minha amiga!
Beijinho solidário

Graça Sampaio disse...

Pois dói... A minha deixou-me de um momento para o outro e tinha apenas 62 anos. Já passaram 25 anos e ainda me dói todos os dias.

Beijinho!

Rui Espírito Santo disse...

Grande, grande abraço, querida Amiga ! ... Sinto muito a tua dor e "estou contigo" no teu sofrimento !

Beijo !
.

Nilson Barcelli disse...

Que descanse em paz.
Um abraço solidário, minha amiga.
Beijo.

Mariazita disse...

Bom dia
Há muito tempo tencionava vir visitar este espaço. Calhou ser hoje, e encontro uma triste notícia...
Dói muito, sim. Já passei pelo mesmo, algumas vezes, com familiares MUITO chegados, e não
há consolo possível. Só o tempo vai, aos poucos, amenizando.
Meus pêsames e abraço solidário.

Beijinhos

Lilá(s) disse...

Fica-se sem palavras...força amiga, um beijo grande

Gisa disse...

Meus sentimentos Adélia.
Um forte beijo

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Tenho andado bastante ausente da blogosfera e por isso, só hoje tomei conhecimento desse momento triste.
Um beijinho muito grande, Adélia.

mmm´s disse...

Maior dor do que a perda da nossa mãe, penso que será a rir da perda de um filho.
Lamento a sua perda.