Todas as fotos publicadas são de minha autoria, tiradas com telemóvel.

domingo, 12 de novembro de 2017

O meu sentir



Foto minha




Vivi a minha infância 
sob forte tensão emocional    
com muito sofrimento
após suportar tanta dor 
desejei um dia vir a ser forte.

Mas sou surpreendida com tanta coisa má 
é tão difícil lidar com emoções negativas
e eu não tenho capacidade
em preparar o meu coração
para olhar um mundo tão mau.

 Testemunhar escolhas
sem qualquer perspectiva
como se revelassem 
o desinteresse pela vida.




12 comentários:

Janita disse...

Tem calma, Amiga Adélia.
Vai vivendo um dia de cada vez e não penses demasiado no futuro e muito menos no passado.
Tal como escreveu o nosso João de Deus.

“A vida é o dia de hoje,
A vida é ai que mal soa,
A vida é sombra que foge,
A vida é nuvem que voa.”

Na tua bonita foto tens o exemplo através dessa pena...que voa à mais leve brisa!

Beijinho grande e boa semana.

Pedro Coimbra disse...

Só uma pessoa forte poderia enfrentar os problemas que já enfrentou, Adélia.
Coragem.
Beijinhos, boa semana

Gil António disse...

Bom dia. Acalme o seu coração
Viva a vida, esquecendo o mal
Porque o viver em sedução
Não é assim tão mau afinal
.............................
Gostei muito do seu blogue. Fiquei seguidor
.
Deixo cumprimentos e um abraço amigo
.

A Nossa Travessa disse...

Adéliamiga

O poema é excelente como sempre! Passo por por cá, lembrando o nosso almoço em Monte Real o que nunca fazes. Ou se passas (do que duvido) ao menos escreve um comentário na NOSSA TRAVESSA. Se calhar nem te lembras de mim: eu sou o gordo com uma pera e com bengala; e até almoçaste na nossa mesa...:-)))))

Bjs da Raquel (que também estava presente) e qjs do Henrique, o Leãozão

Maria Rodrigues disse...

Palavras tão sofridas minha amiga.
Desejo do coração que o seu sentir se torne mais tranquilo e feliz.
Um grande beijinho
Maria de
Divagar Sobre Tudo um Pouco

papoila disse...

Um abraço Adélia.
bjs

luisa disse...

Há sempre uma força em nós que nem julgamos ter...Nada de desânimo.
Um beijinho.

Ricardo- águialivre disse...

Que o seu coração encontre na força da sua alma, algo que o faça esquecer traumas do passado, a fim de segurar as ternuras do futuro
.
Deixo saudações amigas

lis disse...

Oi flor
Voltando a sua casa ,depois de um longo 'inverno' rs
Obrigada pelas mensagens de incentivo e o que mais quero é que seu coraçãozinho esteja bem. Vamos conservar a saúde, que o resto virá .
Grande abraço

luar perdido disse...

Minha querida Adélia, há momentos em que, de facto, parece que nada nos faz sentido. Até porque temos valores, força, coragem e uma forma de ver a vida que nos vai ajudando a seguir: um dia de cada vez, um passo adiante do outro, mas a ir.
Tens capacidade sim, minha doce Amiga! Claro que tens, sabes porquê? Porque o teu coração é um poço sem fundo de AMOR, CARINHO, ENTREGA e FORÇA. Por isso, concentra o que tens em ti na tarefa de continuares a ser forte, como és.

Beijinho com muita força e carinho nesse coração apertadinho, mas lindo.

Graça Sampaio disse...

Toca a arrebitar, menina!!

Beijinhos animados...

Maria disse...

Bom fim de semana :)